segunda-feira, 30 de outubro de 2017

Trabalhando céu e terra


Sessão Extraordinária - Ao café dos caboclos no terreiro do José - Trabalhando céu e terra

Os caboclos estavam reunidos em sessão extraordinária. A quadrilha foi denunciada por extorquir água vaginal em troca do fumo. Assim como caralho e grana (foram pedidos pela terra). Disposição, vitalidade e motivação, estavam sendo desviadas dos brancos pelos vermelhos. Os mais novos nem imaginavam o quanto valia despertar bebendo água. Masturbação ao banho era a cura indicada.

Como solução alternativa, determinou-se dias específicos ao consumo das substâncias. A cerveja seria bebida quintas ou sábados. O fumo, segundas e quintas (ou sábados). O primeiro café diário, deveria ser com leite. A marijuana , proibida; Salvo terças ou sextas à noite; Ou domingos pela manhã (sábados após o poente).

Foi proibido fumar em casa (assim como marijuana em público) e obrigatório estar acordado entre sete ou oito horas.  A noite, estar em pé até a meia noite. 

Como cada ser detinha o bem e o mal, determinou-se que que gente boa mantivesse a maldade oculta. Nem delegasse; Nem dispensasse; Nem expusesse. 

Os termos seriam adaptados. Os horários reagendados. Recriando-se a primeira sessão. 

Contos Subliminares

'O crime não compensa'.

domingo, 29 de outubro de 2017

Ecossistemas


O ecossistema é o laboratório em que os seres humanos interagem com os próprios experimentos. Aprender nas batalhas cotidianas, possibilita desenvolver o estado consciente. Encontrando o próprio caminho; Trilhando-o e aprimorando habilidades; Assumindo a identidade. A natureza é o palco onde o show ocorre; O universo, o testemunho. 

sexta-feira, 27 de outubro de 2017

Materializando-se


Compor é como esculpir ou pintar. O espírito criador alimenta-se das vivências, saberes e interações. A mente inquieta dos artistas está além das rotinas profissionais. A criação floresce na inspiração cotidiana. Além dos cronogramas pré-agendados; Ou das tarefas automáticas. A liberdade criativa permite ir além das formas e métodos. O novo emerge ao recriar a matéria bruta essencial. O texto emana; A imagem resplandece; A música toca (significâncias). O ser, assim como as respectivas obras, nasce, primeiro, no imaginário; Materializando-se na obra.


Eram apenas guardanapos
que transformaram-se
em livros.

Contos, em curtas;
Episódios, em músicas;
Pedras, em jóias;
Arte, em obras.


- A poesia liberta os pontos; A prosa transcende a forma -

*  *  *



quinta-feira, 26 de outubro de 2017

Ao tempo


Enquanto o tempo mostra os caminhos, o guerreiro repensa a jornada. Abastecido pelas habilidades desenvolvidas em combate, observa o território desbravado. Ao horizonte, eleva o olhar. Com o cosmos, dialoga, quando em retiro. Enquanto interage com o meio coletivo; Ao deserto espiritual, encontra-se (consigo) em si.

*'Deserto' (espiritual) é o isolamento ao estudo bíblico e oração, utilizado nos retiros cristãos. 

quarta-feira, 25 de outubro de 2017

Trabalhando-se


A cura ao ócio é o trabalho. Trabalhando as atividades cotidianas. Dos pensamentos à ação; Dos atos à oração. Desde o estender as roupas ao organizar a casa; Trabalhando corpo e alma. Dos serviços bancários à resposta aos e-mails. Dos estudos diversos à produção. Fotografar, filmar, escrever ou editar; Comprar, vender ou cozinhar; Aprender ou compartilhar. Por amor ou dinheiro; Tudo é trabalho. Trabalho, Somos.


terça-feira, 24 de outubro de 2017

Ao céu e à terra - O Mago Mestre (Cartas - Cap I)




ORDEM AO PROGRESSO

Sem escolha, o Mestre negociava barbeadores, isqueiros e colas bonder, na estação dos trens. Ao encontrar o velho amigo, foi questionado quanto a importância das produções voluntárias.

Driblando a questão, disse: 'Enquanto profissionais pós-graduados estiverem em serviços informais, lotaremos as ruas e esvaziaremos as escolas. Pois ordem é pôr as coisas no lugar'.

SOCORRO

'Socorro' - Gritou, o espírito iluminado pelo dia - 'Estou salvo; Livre das madrugadas em claro; Mas ainda há quem tente desviar, os filhos, dos sonhos'.

AOS ANCIÃOS DESTE MUNDO

'Onde chega o velho, chega a linha' - Disse, o Mestre - 'Por isto estamos aqui (onde somos um conosco); Para ajudar-mo-nos'.

O Mago havia sido posicionado, teoricamente (ao blefe), em cima (e na terra); Mesmo sabendo que ninguém está sobre ninguém e o tempo anda para frente.

Tratado como cavalo; Confundido com os velhos que o ajudam; Destratado como cão.

'Este é o Brasil' - Disse, o Mago - Embora ainda existam pessoas boas que ajudam sem pedir nada em troca; Ou contentam-se com o que temos a oferecer'.

'Será longa a batalha' - Respondeu, o Mestre - 'Temos que insistir no projeto vital'.

Ciente, e disposto, o Mago reinicia a jornada.

'Paz na terra'.



segunda-feira, 23 de outubro de 2017

Magnetismos


A passagem pela vida terrena emerge como oportunidade evolutiva ao espírito. Evoluir requer consciência, e discernimento, quanto ao que é bom ou mau. O pecado integra a vivência carnal. Exigir perfeição humana é negar que estamos aqui para evoluir. Compreender que colhemos o que plantamos é compreender os princípios físicos, quânticos ou magnéticos, estudados por Newton e Trimegisto. O universo e a natureza respondem às ações humanas. Estar ciente disto é a base. 

sábado, 21 de outubro de 2017

Ao semiótico; Subliminar - Letrados Sentidos




AO SEMIÓTICO; SUBLIMINAR

A nova literatura emerge metafórica, parabólica e subliminar; A semiologia permite inúmeras interpretações (significâncias) nas entrelinhas das mensagens (significados). A criptografia desafia as decodificações. O imaginário completa a sessão (O que é isto? Imagine!) .'.

sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Avante; Indo


A terra está transformada. O que diriam os deuses astronautas ao vigiar a crosta terrestre? Humanos interagindo em ondas telepáticas. Fluindo como o vento que sopra a vela. O que dizer quanto ao mundo? Inexato sentido; Às significâncias. 

Desacelerando a tempo, 
ganha-se tempo;
Avante, 
indo. 

quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Autobiográfico ( Pessoal )


Autopsicanalise

Pergunto-me por que, quando estudo algo novo, tenho mais ideias para criar e quando largo os livros sinto-me travado. Nestas horas fumo e bebo. Enquanto, quando estudo (leio algo novo ou assisto vídeo aulas), sinto-me trabalhador (trabalhando a aprendizagem) e motivo-me a crescer no conhecimento adquirido ou produzido.

Algo interessante, também, a mencionar, é que tenho melhores ideias sob as árvores dos parques que trancafiado no home office.

Tais considerações, chamo autoajuda pelo autoconhecimento.

'Conhece-te a ti mesmo'.

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Contos Subliminares



O MESTRE E OS VELHOS - ESPÍRITOS  BRANCOS - UNOS À LUZ *

Ao caminho, o Mestre encontrou dois velhos sagrados. Espíritos brancos que emanavam outra luz (em cores diferentes).

O amarelo, bebendo sentado, chorando, estava sozinho, entristecido, na mesa, no bar.

O outro, fumava sentado no chão.

O mestre perguntou-lhes o que havia ocorrido. O amarelo disse que as filhas d'Diabo haviam lhe sentado para beber. O vermelho disse que as mesmas haviam lhes deixado sentado fumando.

O primeiro chorava; O segundo resmungava irritado.

Em pé, ofereceram, juntos, ao Mestre, justiça na terra (em paz ou na guerra). Pois nem álcool, nem fumo, queriam. Isto era o que tinham. Queriam outras coisas.

Para avançar, crescer e evoluir, em sobriedade, produtividade, razão, moral e saúde; Em pé, emanando luz, tornaram-se espírito uno. O primeiro, alcoolista social, pediu água para libertar-se das bebidas. Em pé, juntos, o segundo, pediu ar puro para pensar melhor.

O primeiro, já livre das bebidas alcoólicas, disse: "Deus abençoa". O segundo, livre das madrugadas, respondeu: "Deus ajuda".

terça-feira, 17 de outubro de 2017

Subliminar - Ao Ser Humano



O universo é implacável quanto ao que fazemos à natureza e à humanidade.

Newton entendeu as reações físicas como resposta proporcional às ações.

"Estou manjado" - Disse o Mestre ao sobrevoar as árvores.

Nem risos; Nem choro; Nem crises. Apenas o olhar ao horizonte.

O ser humano reconheceu-se espírito encarnado - "Eis o homem" - Disse a si próprio.

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

sábado, 14 de outubro de 2017

O Comunicador - Vol XCI





Take it easy. We have many things to do.

. . .

sexta-feira, 13 de outubro de 2017

Avante



A pressa inquieta; A calma revigora a alma. 

Contudo; Essencial é saber o que queremos. Passo a passo, indo, desbrava-se o caminho.

. . .


quinta-feira, 12 de outubro de 2017

Prossumers - Subliminar; Novo Mundo




Zeus havia baixado à Terra. 
A marijuana lhe pesava, 
tanto quanto o feijão. 

'Quem vem a mim, vem ao pai' 
Disse, o percevejo.


Ao pastoreio, as ovelhas; Ao caminho, a jornada; Ao cotidiano, os desafios.

Que pecado há no homem? Pescado, pescador, entre as redes e o aquário.

Como a pedra bruta que, ao ser polida, torna-se jóia rara; Assim, apresenta-se a humanidade.

quarta-feira, 11 de outubro de 2017

Saravamos - Ao Encantado Imaginário


A velha trabalhou as oferendas. Prestes a sagrar-se pelos méritos, guardou-se na prisão. 

O velho bruxo, também conhecido como kan, quando lhes perguntavam d'onde eras, respondia: "Aqui é o mundo". Com pelegos sobre os ombros, o bruxo desvelou-se aos anciãos.

Ao Mago, Oxum disse: "Está feito". A lua desmanchada pela raiva, lavou-se. Dentre as velhas, o amarelo tornava-se azul e já era verde. O branco escondia o vermelho em si.

Diante aos Orixás, dentre os anciãos, o ferreiro afiava os versos.

Os barcos navegam na calmaria.

Oxum revelou ser ajudada (em banda) pelo malandro chamado 'Pila' (embora negasse quando questionada). Chapado, bebeu samba com vodka enquanto driblava à 'excusa'.

Monges em oração, ouviram o bruxo dizer: 'Isto é o demônio'. 'Ogunhê Axé' - Foi a resposta (ouvida, ao longe, em frente).

À sessão, vários mundos. O bruxo, ergueu-se, jogando os pelegos para cima, ao oferecer cabras como se fossem as próprias filhas. Pedindo o mundo, ajoelhou diante as oferendas, erguendo as mãos ao alto.

A maioria recebeu em fumo e álcool. Os terreiros estavam lavados pela chuva. No oriente, a Ordem regia a tavola sagrada. Onde os tabuleiros falavam por si só.

Templários mantinham a guarda.

Estou lá, registrando a Ata. 

(O Autor)

Quem somos?


Quem somos? Ou; O que somos? O que sabemos? Como podemos evoluir? Melhorar; Crescer; Avançar; Eis a missão? Quando o mundo é o laboratório; A vida é o experimento? Que ciência há na existência? O que sabemos quanto ao cosmos? Ao átomo, ao ser. 

(...)

terça-feira, 10 de outubro de 2017

Subliminar; Registros à Grande Loja (Virgem)


Irmão Mestre, trabalhando os Báh's (pais e filhos), registrou, no caderno, os novos (ou antigos) desafios.

No tabuleiro, ou fora deles, adagas ou espadas; Martelos ou machados. Ao xaxado, o achado. 'Páh'

Olhos abertos, livre das neblinas (no templo), olho para frente e pergunto-me: 'Como retribuir ao mundo?'

Aos contratos (ao conhecimento público); Allah seja louvado*

À lei dos irmãos; Shalom*

segunda-feira, 9 de outubro de 2017

Atos


(9'S FORA) ZERO - Cap I

Babá, trabalhando diferente. Ligado, à certa fumaça, conduzia o pensamento às coisas boas. Enquanto o incenso queima, outras defumações cedem espaço. Ao ar puro, no lugar das ervas ou fumos.

(9'S FORA) ZERO - Cap II.I

Ninas e Nanas traziam oferendas; Conectadas ao paralelo refúgio. A certeza que, logo cedo, Babá estaria acordado. Sábado à sábado; Domingo domingo; Segunda à segunda. Longe das trocas, em tal quadrante, somam-se virtudes na interação estrelada.

(9'S FORA) ZERO - Cap II.II

Algumas queriam reencontrar o amor; Outras, libertar-se dos insaciáveis instintos. Algumas vinham para ouvir; Outras, para falar.


Registro Subliminar.
(Criptografias)

(9'S FORA) ZERO - Cap III

Até que as linhas (entes espirituais) viessem a ser cruzadas (desmanchadas). Tramados, os laços (imaginários), o sobrenatural viria a materializar-se.


sexta-feira, 6 de outubro de 2017

Indo


Em frente
Avante
Nada será como antes

À fé
Café
E continuemos em pé

Indo







quinta-feira, 5 de outubro de 2017

Recriando-se



O mundo desafia o homem a recriar-se. Escolhas abrem caminhos; O tempo jamais espera. Quanto ao sobrenatural, entre o céu e a terra, o que se guarda está a salvo. O homem desafia a física; As leis naturais. Enquanto a natureza retribui as ações humanas.

quarta-feira, 4 de outubro de 2017

Motive-se


DESAFIOS

Os desafios existem para aprimorar habilidades e fortalecer virtudes.

REALIDADE

Para transformar a realidade, primeiro, mudam-se os comportamentos.

ENCRUZILHADAS

Além das encruzilhadas; Pessoas mudam; Filhos tornam-se pais; Pais assumem-se irmãos; Irmãos assumem-se humanos; Enquanto o humano compreende-se como espírito encarnado em missão evolutiva.

ESCOLHAS

O mundo em que vivemos é o resultado das escolhas que fazemos. O que faço com o tempo que disponho? O quanto batalho para vencer os desafios? Estou indo na direção desejada? Como posso melhorar? Em que?

BATALHAS

Perseverar na batalha é o que torna, o homem, guerreiro.

terça-feira, 3 de outubro de 2017

Extraordinária (Sessão Encerrada) .'.


Iemanjá sabia, embora suas filhas (devotas) não aceitassem, que o guerreiro havia escapado, das pedras, pela erva. Sua causa era justa, embora, réu, ao preconceito. Disse, o Mestre: 'Quem não tem pecado?'

Como pai, o filho estava pronto aos vinte e três. Embora punido, por julgar-se a si. Demorou dez anos para repor o ar que esvaiu-lhe das ventas. Deixado nas esquinas e praças, por pensar diferente, mesmo quando entendia que a lei é singular - 'Nada é igual ao Criador'.

Justo seria aceitar a guerra, que, outrora, o próprio havia assinado. Pela lei e pela ordem.

O diabo disputa as almas humanas. Inflamando o egoismo. Muitos reclamavam algo mais ou melhor. Sendo questionados quanto ao que dispunham.

Filhos inocentes pagavam pelos pecados alheios. Sem culpa por terem nascido em 'lá'. Isto lhes era pedido; Ou, outras coisas mais valiosas, no mundo material.

Linhas, à ancestralidade e descendências, foram empenhadas. Das famílias que reclamavam perfeição.

Ainda cultuava-se apedrejar pecados.

Quem fuma; Quem bebe; Ou quem cultua o ócio; Embora, sem pecado, estavam na mira dos 'mercadores das almas' (bloqueados em seus carros e camisas pretas).

A cobiça era tanta que a lei foi lembrada. Nada que, viesse a ser interesse alheio, deveria ser pedido. Os planos, os sonhos e os objetivos, dos filhos, estavam em xeque, na mesa das partilhas.

'Páh' - Ouviu-se o som dos martelos em único sonido. 'Isto mesmo' (sessão encerrada).

segunda-feira, 2 de outubro de 2017

O Julgamento Social


O julgamento social ocorre a todo momento. Conscientes disto; Medidos e pesados; O livre arbítrio possibilita compreender a responsabilidade perante as escolhas. A intuição, somada à vivência, mostra caminhos distintos. A busca pelo (melhor) caminho 'certo' (ou próprio) impõe a recriação constante perante os parâmetros sociais. As normas; As regras; As leis humanas, e/ou divinas, visam regular a sociedade. Mas nem sempre regulam o comportamento o humano. Embora, aplicam-se diariamente.